VALORMED apresenta o Relatório de Actividades 2019

  • 20 de Abril de 2020

No passado dia 15 de Abril, a VALORMED enviou às autoridades portuguesas que tutelam o seu funcionamento no território continental e regiões autónomas, o relatório com as actividades desenvolvidas e resultados atingidos ao longo do ano de 2019, a cujo resumo poderá aceder em www.valormed.pt

Em síntese, durante o ano passado foram recolhidas cerca de 1.216 toneladas de resíduos de embalagens e medicamentos depositados pelos cidadãos nos pontos de recolha VALORMED localizados nas Farmácias Comunitárias aderentes, tal correspondendo a uma média de 109 gramas por habitante, um aumento de 9% em relação ao ano anterior.

Os embaladores aderentes declararam cerca de 312 milhões de unidades como tendo sido colocadas no mercado nacional, gerando um potencial de resíduos de 5.900 toneladas, pelo que a taxa de recolha se situou nos 14,6%. Este valor demonstra que, apesar dos aumentos que se vêm verificando ano após ano, é ainda baixa a adesão dos portugueses ao SIGREM (Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Embalagens e Medicamentos), reconhecendo a VALORMED, por isso, que é necessário continuar a apostar na sensibilização e educação, particularmente dos mais jovens.

Salienta-se, por fim, o desenvolvimento de um estudo promovido por esta entidade gestora relacionado com a avaliação do ciclo de vida e ecodesign das embalagens de medicamentos. Tendo sido apresentado aos embaladores aderentes, espera-se que possa ser o percursor de um plano de prevenção o qual, entre outros benefícios, permita economizar matérias-primas durante o processo de design de embalagens, fase na qual se estima que seja produzido 80% do seu impacto ambiental.

Todos direitos reservados ValorMed ©.